Ansiedade e Pânico

Síndrome de Pânico

Transtorno de Pânico

Síndrome do Pânico

O que é síndrome do pânico?

A síndrome do pânico é um problema de cunho psiquiátrico que provoca breves crises de ansiedade involuntárias em um curto período e em momentos inesperados. A tensão é tanta que o indivíduo tem a sensação de que vai morrer a qualquer instante. Até que a crise passa.

O paciente que é diagnosticado com essa enfermidade deve apresentar, durante um breve período, pelo menos quatro dos sintomas específicos, são eles: sensação de falta de amor, dor abdominal, tontura, taquicardia, desmaio, dor no peito, calafrios ou calorões. Para a maior parte dos pacientes um ataque de síndrome do pânico vem acompanhado de agorafobia – o medo de lugares em que há uma grande concentração de pessoas – mas não é um sintoma essencial.

Estima-se que até 3% da população sofra de síndrome do pânico, especialmente as mulheres na fase adulta. Em casos em que a doença se manifesta ainda na infância é provável que o diagnóstico seja inapropriadamente dado como transtorno de conduta. Ainda não existem pesquisas conclusivas sobre as circunstâncias que causam a síndrome do pânico.

Dr Abelardo Ciulla explica ao programa Diversidade quais são os medicamentos que podem ser utilizados para amenizar os sintomas e as crises da síndrome do pânico:

Veja também Psiquiatra Online Síndrome do Pânico.